Associação Desportiva Ateneu Mansor/Smel
Rua Saad Abdalla Gattaz, nº 200 - Sala 30 - Distrito Industrial
São José do Rio Preto - SP
Tel: (17) 99149-1280 - judoateneumansor@gmail.com
Coordenação: Léo Eduardo Secches Mansor
Faixa Preta 5º Dan - Professor de Educação Física (CREF 8.667 G/SP)

segunda-feira, 30 de abril de 2012

Montreal (CAN):- Três vezes Brasil no pódio do ligeiro masculino

imagem
A campanha do Brasil foi tão boa no Pan de Montreal que chegou ao luxo de ter três atletas do país no pódio do peso ligeiro. Embora o brazuca "oficial" fosse Felipe Kitadai, que fez o Hino Nacional tocar pela sexta vez na Arena McConnell, ao seu lado estavam outros dois atletas brasileiros: Sérgio Pessoa, filho do judoca Sérgio Pessoa, ex-seleção olímpica em Seul 1988, e Henan Birbrier, nascido em Buenos Aires mas filho de mãe brasileira e ex-companheiro de Kitadai no Projeto Futuro, em São Paulo.
“Conheço bem o Serginho e o Hernan. Serginho é um ano mais velho do que eu e me espelhei muito nele no começo da carreira. E morei dois anos com o Hernan no Projeto Futuro, em São Paulo”, conta Kitadai, que conquistou seu terceiro título pan-americano consecutivo.
Num clima de muita amizade, os três protagonizaram um dos pódios mais festivos do evento.
“Foi uma final esperada porque o Kitadai e eu somos os mais bem ranqueados da Pan-América. Claro que é uma sensação diferente ouvir o Hino Nacional tocar no pódio... Vou para minha primeira Olimpíada e estou muito feliz. Tive dois anos difíceis com lesões mas fui perseverante”, disse o filho do ex-atleta da seleção brasileira em Seul 88, Sérgio Pessoa, que tem 23 anos e mora há sete em Montreal.
“Competi pela primeira vez no Pan Sênior em 2011, na categoria super ligeiro e fui bronze. Não esperava ganhar essa medalha aqui pois é uma competição muito forte. É um resultado que me motiva e me faz querer treinar mais para estar nas Olimpíadas de 2016. Nasci em Buenos Aires mas moro no Brasil e treino no Projeto Futuro, em São Paulo. O Felipe Kitadai era meu veterano lá!”, contou Hernan, de 18 anos.
De Montreal, Manoela Penna

Nenhum comentário:

Postar um comentário