Associação Desportiva Ateneu Mansor/Smel
Rua Saad Abdalla Gattaz, nº 200 - Sala 30 - Distrito Industrial
São José do Rio Preto - SP
Tel: (17) 99149-1280 - judoateneumansor@gmail.com
Coordenação: Léo Eduardo Secches Mansor
Faixa Preta 5º Dan - Professor de Educação Física (CREF 8.667 G/SP)

quinta-feira, 26 de junho de 2014

A importância do fortalecimento dos músculos abdominais

Muito se fala da importância do fortalecimento dos músculos abdominais, mas você sabe o que realmente isso significa?

http://www.revistapilates.com.br/wp-content/uploads/2012/05/i71637.jpg

Os músculos abdominais fazem parte do tronco (ântero-lateral) e incluem o reto abdominal, os oblíquos externos, oblíquos internos e transverso abdominal. O reto abdominal também é conhecido por "tanquinho". Os outros três são encontrados na parte mais lateral do abdômen, sendo o transverso abdominal o mais profundo. Esses músculos são de grande importância para a manutenção da postura correta, para a estabilização da coluna lombar e para o controle do corpo. São os músculos abdominais ( reto abdominal, os oblíquos interno e externo do abdômen e o transverso do abdômen ) os responsáveis pela sustentação das vísceras, de forma que estas se mantenham o mais próximo da coluna ( nosso centro gravitacional).
A boa postura é aquela que ajusta nosso sistema músculo-esquelético (ossos e músculos) da melhor forma possível, mantendo o equilíbrio e distribuindo o esforço das atividades, não sobrecarregando nenhuma das partes do corpo.

2014_Patrocinadores (2)

Quando há flacidez muscular abdominal, os órgãos se projetam frontalmente ( vide imagem abaixo ) modificando o centro de gravidade corporal. Com conseqüente sobrecarga na coluna torácica e lombar.
O fortalecimento dos músculos que compõem o abdômen fornece estabilidade para as paredes anterior, laterais e posteriores do tronco, evitando a sobrecarga da região lombar. Estudos recentes nos mostram a eficiência no fortalecimento da região abdominal, favorecendo a flexão e extensão do tronco durante as atividades de vida diária e diminuindo os impactos sobre a coluna vertebral. Sendo assim, os benefícios vão muito além da estética, garantindo mais estabilidade e equilíbrio corporal e influenciando positivamente inclusive na correção da respiração torácica e abdominal.
Sobrepeso tem conseqüências tanto fisiológicas como afeta diretamente as estruturas de sustentação do corpo, responsáveis por vencer a gravidade.
Resultando em:

  • desvios de coluna
  • sobrecarga na musculatura paravertebral ( costas ) favorecendo o aparecimento de desconforto contínuo
  • encurtamento nos músculos antigravitacionais por sobrecarga

Devemos lembrar também que a coluna é umas das estruturas formadoras do CORE*, sendo assim, a sua estabilização influenciará até nos segmentos mais distais do corpo, como os nossos membros superiores e inferiores, nos seus movimentos e posicionamentos. Concluindo, o fortalecimento adequado dos músculos abdominais favorece a biomecânica correta de todo o corpo durante a prática de qualquer atividade física.

Fonte:- Informativo da Educação Física

2014_Patrocinadores (2)

Nenhum comentário:

Postar um comentário