Associação Desportiva Ateneu Mansor
Rua Antônio de Godoy, 6030 - Vila Nova Redentora
São José do Rio Preto - SP
Tel: (17) 99149-1280 - judoateneumansor@gmail.com
Coordenação: Léo Eduardo Secches Mansor
Faixa Preta 5º Dan - Professor de Educação Física (CREF 8.667 G/SP)

segunda-feira, 12 de julho de 2010

Judô e Familia

Familia Mansor

Bonenkai 2004 – Professor Léo e seus filhos Nicole – Michele - Victor

Os Anos vão passando e a família Ateneu Mansor vem crescendo.

Por conta da busca de seus sonhos alguns alunos hoje morando em São Paulo, treinando no Centro de Excelência “Projeto Futuro”. E a filha Nicole hoje atleta do Instituto Reação no Rio de Janeiro representa a Família Mansor em tatames Cariocas. Ganharam estradas mas o Judô ainda continua apertando os laços de amizade e familiar.

Já outros Atletas já alçam vôos maiores. Josiane Falco, é hoje titular da Seleção Brasileira de Judô. Fernanda Gomes Oliveira, é detentora de vários títulos Mundiais. Tadaiti Ozato Junior, Campeão Brasileiro e Paulista. Marco Aurélio Guimarães, Campeão Sul Americano. Bruno Cesar Malagoli, Campeão Sul Americano, Brasileiro e Paulista. E, são incentivadores para que esses jovens atletas continuem nessa trajetória difícil, mas recompensadora.

 E isso só tem abrilhantado ainda mais nossos treinos, por que a família está novamente toda reunida.

Quando se começa a praticar um esporte de alto nível como o Judô, tem que se levar em conta alguns pontos básicos:

TALENTO + DEDICAÇÃO + ESTRUTURA

Talento e dedicação são inerentes ao atleta, qualidades que a estrutura só vem incentivar. Tentar dar o rumo correto para ser trilhado.

Já estrutura é a reunião das pessoas que vão dar suporte ao provável atleta: FAMILIA e COMISSÃO TÉCNICA. E, os dois vão se confundindo, fundindo-se, até tornarem-se um só.

Não se sabe mais se são os pais que motivam os filhos ou os filhos que são exemplos para os pais. E o Sensei é o piloto desse grande navio, cheio de pessoas com os mesmos objetivos e remando todos para alcança-lós.

A vida do Sensei Léo se confunde com o Judô. Família Grande, dos 06 filhos do Sr. Luiz Arão e da Dona Léa Marisi, são 03 Faixas Pretas e 02 Faixas Marrons.

 2010_Copa_RPAC_Leo_e_Victor_Mansor Hoje 4º Dan, o Sensei Léo Mansor vem passando essa paixão para dois dos seus 03 filhos.2010 - Brasileiro Regional - Nicole e Papai (2)

Victor, 15 anos hoje faixa Marrom e Nicole, 13 anos faixa Verde.

Nosso Dojô é uma reunião, onde Pais, Mães e filhos dividem entrem suor e golpes, seus SONHOS.

Juarez_RafaelTremura

Juarez Alves Tremura, Faixa Preta, foi campeão brasileiro no passado e hoje vê seu filho conquistar  títulos no Estado, Nacional e Internacional. Rafael da Silva Tremura, 16 anos seguindo os passos do pai. Iniciou o Judô  em 1997.

Leo_OtavioLeonardo Salim, Faixa Preta, retorna aos tatames para incentivar seu filho Otávio, que iniciou seus primeiros golpes no Judô em 2010.

E o que dizer quando o incentivo e golpes apreendidos pelos jovens Judocas são razões para que as mães vistam os Judoguis e mudem da cadeira da recepção para dividir essa emoção com os filhos, dentro do Dojô.

Larissa Ferreira Torres é judoca desde Abril de 2010, incentivada pelos filhos Renan e Raissa, 11 e 10 anos, que fazem Judô desde 2009. E agora dividem além do Dojô nos treinamentos, também as áreas de competição, já que Larissa estreou com o Vice Campeonato na Copa de Judô Professor José Natal Perini no dia 03/07/2010. DSC05450

E parece que a moda pegou. Em Junho tivemos mais duas adesões:

Denise Garcia mãe de Pedro aderiu a idéia. E agora acompanha o filho que treina desde 2006, apesar de ter só 10 anos. Agora é o filho que incentiva a mamãe nos treinos.

Motivada por Larissa e Denise, agora é a vez da mamãe Claudia Cristiane Ishivaza.

Judoca de arquibancada já que acompanha seus filhos Yukio, Masaharu e Rikiyua nas competições pela região e pelo estado, agora pode acompanha-los mais ainda, Agora vai conhecer as ansiedades, dificuldades e alegrias da pratica do JUDÔ, de dentro de seu Judogui.

A Historia da família Mansor se confunde com o Judô. São anos e anos de dedicação e incentivo, conquistas e suor nos dojos da região, do estado, nacional e nternacionamente, e, é ótimo que essa paixão tem sido passado para todos seus alunos e pais.

Judô é uma historia de vida, e nada melhor que isso possa ser divido entre pais e filhos.

DSC05474

3 comentários:

  1. Nossa nunca passava pela minha cabeça lutar Judo na vida...e agora me vejo dentro de um tatame dividindo espaço com meus filhotes...e praticamente louca por Judo cada vez mais motivada por essa galera toda....cercada por amigos...companheiros...uma verdadeira familia!!! Obrigado mais uma vez SENSEI LÉO,pois vc é o grande responsavel por isso tudo...PARABENS pelo seu trabalho!!!!

    ResponderExcluir
  2. Parabens para todos do Ateneu Mansor...uma grande família , com amigo , companheiros...
    Que muiitas conquistas aparesam para vocês.
    Amo muito judô graças a meu pai que me colocou desde piquena(Sensei Léo..)Que todos realizem seus sonho , pois o meu pode estar se realizando e quero o mesmo para vocês!!
    Beijoos Nicole Mansor

    ResponderExcluir
  3. Sensei...faltou familia ai hein...kkk...abraços

    ResponderExcluir